fb_img_1479144537525

14 de novembro de 2016

Cidade de Deus comemora 50 anos com Literatura

A Cidade de Deus, comunidade situada na Zona Oeste do Rio de Janeiro, completa 50 anos em grande estilo. É que a comemoração foi brindada na realização da 5ª edição da Festa Literária das Periferias (Flupp), fechando no último domingo, dia 13. O evento, que teve como homenageado o escritor Caio Fernando Abreu, reuniu mais de 100 autores de 20 países, que, ao longo dos dias, debateram temas como racismo, machismo e homofobia.

“Quando parecia que tudo seria abaixo das edições anteriores, fizemos a maior e mais intensa Flupp de todas. Programação robusta e intensa, novidades interessantes, como o “Machine Tô Bem Another” (Máquina de Ser Outro) e uma forte participação da comunidade. Avançamos, o que nos anima a acreditar que ano que vem tem mais”, ressaltou Écio Sales, um dos idealizadores da Flupp.

Uma exposição sobre o cinquentenário da Cidade de Deus, além do uso da tecnologia de óculos de realidade virtual para contar a história de jovens negros mortos nas favelas do Rio de Janeiro, foram as grandes novidades desta edição.

Em entrevista à Agência Brasil, um dos idealizadores, o escritor Julio Ludemir, disse que a realidade virtual, assim como o celular e o computador, que foram novidades no mundo em determinados momentos, acabará sendo incorporada pela sociedade no futuro.

“Já tem gente produzindo narrativas a partir disso e nós estamos utilizando essa poderosa tecnologia para contar uma situação dramática da periferia do Rio de Janeiro, que é a desses jovens sendo mortos quase em uma escala industrial. O Brasil é o país que mais mata jovens no mundo”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *