Imagem da Internet

21 de janeiro de 2016

MCTI recebe primeiros resultados da pesquisa sobre a fosfoetanolamina

O ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, Celso Pansera, reuniu-se na terça-feira (19) com os pesquisadores João Batista Calixto, do Centro de Inovação e Ensaios Pré-Clínicos (CIEnP), e Eliezer Barreiro, do Laboratório de Avaliação e Síntese de Substâncias Bioativas da Universidade Federal do Rio de Janeiro (Lassbio/UFRJ), responsáveis pelas pesquisas com a fosfoetanolamina, que estão sendo realizadas para determinar a segurança e a eficácia da substância no tratamento do câncer.

No encontro foram apresentados os primeiros testes realizados pelo Lassbio com a molécula cedida pela Universidade de São Paulo (USP). Os especialistas seguiriam os passos de desenvolvimento da fosfoetanolamina com base na patente depositada no Instituto Nacional da Propriedade Industrial (Inpi) e para sintetizar a substância pura.

– Vamos trabalhar com a análise dessas substâncias pelo CIEnP e pelo NPDM e vamos trabalhar com a parte de análise de células, usando células humanas e também animais de laboratório. Isso está dentro da nossa expectativa, de no prazo mais curto possível ter a resposta de que tenhamos, ao menos, a segurança de que ela não é tóxica para o uso humano – explicou o ministro Celso Pansera.

Os resultados consolidados da primeira parte da pesquisa serão divulgados nos próximos dias.